Tipos de tijolos na construção: conheça as características de cada um

Anúncios

Na construção civil, a escolha dos materiais é fundamental para garantir a qualidade, durabilidade e segurança das edificações. Quando se trata de tijolos, não é diferente. 

Os tijolos são peças fundamentais na construção, sendo utilizados em diversas etapas do processo, desde a estruturação até o acabamento. 

Anúncios

Existem diferentes tipos disponíveis no mercado, cada um com características específicas que se adequam a diferentes necessidades e projetos. Saiba mais a seguir!

Pessoa fazendo obra com tipos de tijolos.

O que considerar na hora de escolher os tijolos da obra? 

Na hora de escolher os tijolos para a obra, é essencial considerar diversos fatores que influenciarão diretamente na qualidade, segurança e eficiência da construção. 

Anúncios

Portanto, aqui estão alguns pontos importantes a serem observados antes de fazer a escolha:

Finalidade da construção, resistência e durabilidade

Determine qual será o propósito da construção, pois cada tipo de tijolo tem suas características específicas e se adequa melhor a determinados usos. 

Além disso, avalie a resistência e a durabilidade dos tijolos. Certifique-se de que eles são capazes de suportar a carga estrutural e as condições ambientais da região onde a construção será realizada. 

Tijolos de boa qualidade devem ser resistentes à compressão e ter pouca absorção de água.

Custo-benefício e sustentabilidade 

Analise o custo-benefício de cada tipo de tijolo. É importante considerar não apenas o preço do material em si, mas também a economia em outras etapas da obra, como mão de obra, transporte e consumo energético.

Do mesmo modo, caso a sustentabilidade seja uma preocupação, considere a utilização de tijolos ecológicos. 

Afinal, eles são produzidos com materiais naturais e não passam pelo processo de queima, o que reduz o impacto ambiental. Essa opção também pode contribuir para a certificação de projetos sustentáveis.

Estética, acabamento e facilidade de instalação

Pondere sobre o aspecto estético que se deseja para a construção. Alguns tipos de tijolos oferecem acabamentos diferenciados e podem agregar valor ao projeto arquitetônico. 

Por isso, considere a facilidade de manuseio e instalação dos tijolos. Tijolos laminados, por exemplo, são mais leves, facilitando o trabalho e agilizando o processo construtivo.

Normas técnicas e orientação de profissionais: 

Verifique se os tijolos estão de acordo com as normas técnicas estabelecidas pelos órgãos competentes. 

A certificação e o cumprimento de padrões de qualidade são essenciais para garantir a segurança e a eficiência da obra.

Da mesma forma, consulte profissionais da área, como arquitetos e engenheiros, para obter orientações específicas para o projeto em questão. 

Eles poderão indicar o tipo de tijolo mais adequado às necessidades da construção, considerando as características do terreno, as cargas estruturais, o clima local e outros fatores relevantes.

Considerando tudo isso, você terá a certeza de que seu projeto de construção vai funcionar corretamente e que você terá os melhores tijolos em sua obra.

 

Tipos de tijolos na construção: conheça as opções 

Agora que você já sabe o que considerar na hora de escolher o tipo de tijolo que vai usar na sua obra, é importante que você conheça os tipos de tijolos para que possa fazer o uso em sua obra. 

Veja os principais tipos de tijolos para usar na sua obra:

Tijolo Baiano

O Tijolo Baiano é um dos tipos mais tradicionais e amplamente utilizados na construção civil. Possui formato retangular, é maciço e pode ser encontrado em diferentes tamanhos. 

É fabricado a partir de argila e passa por processo de queima em altas temperaturas, o que garante sua resistência. 

Sendo assim, esse tipo de tijolo é ideal para a construção de paredes estruturais, oferecendo estabilidade e segurança às edificações.

Tijolo Maciço 

Os tijolos maciços são muito similares aos tijolos baianos em sua composição e processo de fabricação. 

Logo, a principal diferença entre eles é o seu formato, já que os tijolos maciços podem apresentar formatos variados, como sextavado, quadrado ou octogonal. 

São utilizados principalmente em alvenarias, pisos e acabamentos. A escolha do tijolo maciço pode conferir um aspecto estético diferenciado ao projeto.

Tijolo Refratário 

O Tijolo Refratário é um tipo especial de tijolo que possui alta resistência ao calor. 

Por isso, é amplamente utilizado em fornos, churrasqueiras, lareiras e outras estruturas que são expostas a altas temperaturas. 

Sua composição é feita com materiais refratários, como sílica, alumina e argila refratária, o que lhe confere a capacidade de suportar temperaturas extremas sem sofrer danos.

Tijolo Laminado 

Os tijolos laminados são caracterizados por apresentarem furos em sua estrutura, o que resulta em uma redução significativa de peso em relação aos tijolos maciços. 

Essa característica torna o tijolo laminado mais fácil de ser manuseado, além de possibilitar uma economia no consumo de matéria-prima durante a fabricação. 

Portanto, esse tipo de tijolo é geralmente utilizado em construções onde se deseja reduzir o peso da estrutura, como em lajes e paredes.

Tijolo Ecológico

O Tijolo Ecológico é uma opção sustentável e ecologicamente correta para a construção civil. 

É produzido a partir de materiais como solo-cimento, argila, areia e outros componentes naturais, dispensando a queima em seu processo de fabricação. 

Essa característica torna o tijolo ecológico mais econômico em relação aos tijolos tradicionais em termos de consumo energético e emissões de gases poluentes. 

Além disso, os tijolos ecológicos apresentam boa resistência mecânica e térmica, sendo utilizados tanto em paredes estruturais como em elementos de acabamento.

Tijolo de acabamento

O Tijolo de acabamento, também conhecido como tijolo de face aparente, é utilizado para fins estéticos e de acabamento em construções. 

Possui uma face lisa e uniforme, o que proporciona um aspecto mais refinado às paredes. 

Geralmente, é empregado em locais visíveis, como fachadas e divisórias internas, contribuindo para a valorização estética do projeto.

 

Com isso, você terá sua obra construída com os melhores tipos de tijolo e poderá aproveitar melhor a sua construção.

Gostou das dicas? Veja mais em nossa página e aproveite mais conteúdos! Leia sobre os tipos de forro para teto e suas características